Secretaria de Educação distribui kits com atividades sensoriais para os alunos do José Reis

Os profissionais da educação que atuam no Centro de Educação Especial José Reis, que atende alunos com deficiência múltiplas e severas, com idades entre 4 e 17 anos, começaram a distribuir nessa quinta-feira (18) vários kits com atividades que foram preparados para auxiliar os pais a desenvolverem com as crianças durante o período da pandemia do coronavírus. O material foi montado em caixas padronizadas, contendo atividades de sopro, sensoriais e para desenvolver a coordenação motora do aluno.

Além das atividades sensoriais, as professoras também confeccionaram máscaras que foram distribuídas aos pais das crianças.

A diretora do Centro de Educação Especial José Reis, Anna Christina Bessa, explicou que os alunos das escolas convencionais estão realizando atividades online, através da Plataforma Digital ou recebendo atividades impressas para aqueles que têm dificuldades com o acesso a internet. Mas os alunos do José Reis trabalham com atividades totalmente diferenciadas, pois a maioria não fala e nem anda e necessita do auxílio de outra pessoa.

“Por isso pensamos em fazer algo diferente pelos alunos nesse momento. Já interagimos com eles nas redes sociais postando vídeos, historinhas, informativos da psicóloga e da fonoaudióloga. Então elaboramos essa caixa com atividades sensoriais, que foi feita com muito cuidados pelas professoras Cláudia e Monique, levando em conta a patologia de cada aluno, e também tendo os cuidados de higiene necessários por conta do coronavírus”, explica a diretora.

As caixas com as atividade sensoriais foram elaboradas pelos próprios professores da unidade de ensino.

Continuidade do Trabalho – Segundo ela, todos os kits com as atividades sensoriais vêm sendo feito de acordo com a Lei Brasileira de Inclusão (LBI), que está em vigor desde 2015, e estão sendo entregues nas casas dos alunos.

O material foi montado em caixas padronizadas, contendo atividades de sopro, sensoriais e para desenvolver a coordenação motora do aluno.

“Nossos alunos são atendidos por uma equipe multidisciplinar formada por fonoaudiólogo, terapeuta ocupacional, psicólogo e assistente social. Além disso, participam de salas interativas onde são trabalhadas atividades cotidianas no currículo funcional da criança especial, como comer sozinho, escovar os dentes, arrumar a cama, entre outras. E é esse trabalho que pretendemos dar continuidade com a entrega desses kits”, garante Anna Christina Bessa.

Os kits foram preparados para auxiliar os pais a desenvolverem com as crianças durante o período da pandemia do coronavírus.

Desafio Diário – A secretária de Educação, Wanderlúbia Antunes, disse que os profissionais da educação vêm se reinventando por conta do desafio diário imposto pela pandemia do coronavírus.

“Sem transformação não tem educação, e essa transformação deve começar por nós mesmos. É um desafio diário que estamos enfrentamos por causa da Covid-19. Mas com o trabalho, empenho e dedicação de todos os profissionais da educação, estamos conseguindo dar assistência aos nossos alunos da rede municipal”, afirmou a secretária.

Além das atividades sensoriais, as professoras também confeccionaram máscaras que foram distribuídas aos pais das crianças.

Texto: Denilson Santos

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Mais notícias

Centro Administrativo

Ouvidoria Municipal

Rio Bonito - RJ

21°C
Scattered clouds

Menu

Atos Oficiais

Notícias

Busca

Últimas atualizações

– Altera página inicial
– Insere link para acesso a serviços
– Insere páginas de transparência e covid-19
– Insere subdomínio https://licitacoes.riobonito.rj.gov.br/

– Insere galeria de vídeos na página inicial
– Corrige alinhamento de elementos

– Altera textos e  layout na página de estrutura