Projeto “Mais Vida” completa um ano oferecendo atividade física para os moradores

O projeto Mais Vida, que funciona com o apoio da secretaria de Saúde, através do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF) e da Atenção Básica, completa um ano de funcionamento nessa quarta-feira (20). Os profissionais de educação física responsáveis pelo projeto, que antes da pandemia funcionava somente em unidades de saúde e quadras poliesportivas do município, estão fazendo as atividades online. Eles fazem “lives” e postam vídeos aulas nas plataformas digitais para interagir com os alunos e incentivar a continuidade da prática esportiva. Os moradores que quiserem participar das atividades podem acompanhar as aulas pelo Facebook (Projeto Mais Vida).

Os professores Rodrigo Magalhães Rodrigues e Sidney Martins Junior, responsáveis pelo projeto, trabalham com treinamento funcional, alongamentos e caminhadas, e tem como publico alvo as crianças, jovens e idosos. Mas muitos profissionais das unidades de saúde também participam das atividades.

“O Projeto melhorou a disposição e a autoestima da minha mãe, pois mostrou pra ela que é possível ter vida saudável, mesmo na terceira idade. Infelizmente algumas pessoas acham que os idosos tem restrições de algumas coisa, que não concordo. É um ótimo projeto  que melhorou a vida da minha mãe e de muitas outras pessoas na nossa comunidade”, afirma Valdilea Siqueira, moradora de Boa Esperança.

Durante esse primeiro ano de funcionamento do projeto, cerca de 300 pessoas vem participando das atividades.

“Os usuários eram assistidos dentro das unidades de saúde e, em alguns bairros, utilizamos as quadras poliesportivas que são maiores. Conseguimos bons resultados realizando aulas de treinamento funcional, principalmente para pacientes com obesidade, depressivos e crônicos, como diabéticos e hipertensos”, explica o professor Sidney Júnior.

Com a pandemia, os professores estão realizando “lives” nas redes sociais e disponibilizando vídeos aulas com atividades que podem ser realizada em casa.

“O objetivo do nosso trabalho é mostrar a importância da prática regular de exercícios físicos. Ao praticar atividades físicas os pacientes têm a vantagem de melhorar a saúde e diminuir riscos de doenças como a obesidade, hipertensão arterial, colesterol alto e doenças respiratórias”, afirma o professor Rodrigo, que grava pequenos vídeos e compartilha nas redes sociais.

Saúde Física e Mental – Supervisora de Psicologia do NASF, Jonamara Viana Magalhães Neves, explicou que esse trabalho tem sido fundamental na prevenção de doenças físicas e psicológicas.

“A nossa intenção é fazer a prevenção em relação a várias doenças que vem sendo causadas pela pandemia, principalmente para melhorar o desenvolvimento físico, emocional e psíquico dos usuários. Depois que muitos pacientes começaram a participar das atividades, tiveram uma melhora muito positiva no nível do colesterol, no índice de hipertensão, além da questão da memória, da ansiedade e do quadro de depressão leve e moderado”, afirma a psicóloga que faz parte da equipe da Atenção Básica do município.

Texto: Denilson Santos
Fotos: Rogério Rodrigues

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Mais notícias

Centro Administrativo

Ouvidoria Municipal

Centro Administrativo

Ouvidoria Municipal

Rio Bonito - RJ

27°C
Clear sky

Menu

Atos Oficiais

Notícias

Busca

Últimas atualizações

– Altera página inicial
– Insere link para acesso a serviços
– Insere páginas de transparência e covid-19
– Insere subdomínio https://licitacoes.riobonito.rj.gov.br/

– Insere galeria de vídeos na página inicial
– Corrige alinhamento de elementos

– Altera textos e  layout na página de estrutura