Petrobrás garante a prefeitos retomada do Comperj em 2018

Os prefeitos que fazem parte do Consórcio Intermunicipal dos Municípios do Leste Fluminense (Conleste) se reuniram nesta terça-feira (24), com o presidente da Petrobras, Pedro Parente, para buscar informações sobre o processo de retomada das obras do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj) e propor a criação de um grupo de trabalho composto por representantes das 15 prefeituras da região e técnicos da empresa.

No encontro realizado na sede da empresa, no Rio de Janeiro, e que durou cerca de duas horas, os chefes do Executivo das cidades integrantes do consórcio receberam boas notícias do presidente da estatal, como um calendário de reinício da construção da planta de gás da empresa, a confirmação do avanço de negociações com uma empresa chinesa para a conclusão de outro projeto, o Rota 3, que incluiu oleodutos e gasodutos e, ainda, um projeto que pode significar a reforma e modernização de todo o parque de refino do estado do Rio de Janeiro.

A previsão é que as obras sejam realizadas entre 2018 e 2019, com início de operação em 2020. O Rota 3 compreende um conjunto de dutos, gasodutos e a Unidade de Processamento de Gás Natural (UPGN) do Comperj, que será responsável pelo processamento de 21 milhões de Nm3/dia (nano metros cúbicos) de gás natural oriundos do pré-sal da Bacia de Santos. A Petrobras também confirmou o investimento de 3 bilhões de dólares na conclusão da planta de gás do Comperj até 2020, gerando aproximadamente 6 mil empregos diretos a partir de 2018 em toda região, além do avanço dos entendimentos com os investidores internacionais de outro aporte de 3,5 bilhões de dólares para concluir outras etapas do refino do petróleo. A planta de gás é um projeto que poderá abranger vários municípios, com gasodutos que devem passar por cidades como Itaboraí, Maricá, Guapimirim e Magé.

Grupo de trabalho – Por solicitação do Conleste, Pedro Parente se dispôs a analisar, junto à alta administração da companhia, a criação de um grupo de trabalho, composto de representantes do Consórcio e da empresa para avaliar os investimentos nos municípios, seus impactos, e participar da elaboração do planejamento estratégico que está sendo elaborado para a região.

Participaram da reunião também Claudio Schlosser, gerente executivo da área Industrial do Refino e Gás Natural e Luciana de Loyola, assessora da presidência. Além deles, estiverem presentes 13 prefeitos, dos 15 municípios que compõem o Conleste (Renato Bravo, de Nova Friburgo; Fabiano Horta, de Maricá; Rafael Santos, de Magé; Sadionel Souza, de Itaboraí; Zelito Tringuelê, de Guapimirim; Paulo Cezar Dames, de Casimiro de Abreu; Mauro Soares, de Cachoeiras de Macacu; Rodrigo Neves, de Niterói; José Luiz Mandiocão, de Rio Bonito; Manoela Peres, de Saquarema; José Luiz Nanci, de São Gonçalo; Anderson Alexandre, de Silva Jardim; e Valber Luiz, de Tanguá), além do prefeito em exercício de Teresópolis, Darci Dias.

FOTOs: THIAGO NEVES / AGÊNCIA PETROBRAS

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Mais notícias

Centro Administrativo

Ouvidoria Municipal

Rio Bonito - RJ

31°C
Moderate Rain

Menu

Atos Oficiais

Notícias

Busca

Últimas atualizações

– Altera página inicial
– Insere link para acesso a serviços
– Insere páginas de transparência e covid-19
– Insere subdomínio https://licitacoes.riobonito.rj.gov.br/

– Insere galeria de vídeos na página inicial
– Corrige alinhamento de elementos

– Altera textos e  layout na página de estrutura