Capacitação para diagnóstico de infarto é realizada na UPA

A Secretaria de Saúde de Rio Bonito realizou na manhã desta terça-feira (15) um curso de capacitação sobre diagnóstico do Infarto Agudo do Miocárdio (IAM) destinado a médicos, enfermeiros e farmacêuticos que atuam na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), localizada na Praça Cruzeiro. Durante o treinamento, baseado em vídeos aulas, foram abordados assuntos ligados a fisiopatologia da doença, causas e, principalmente, o tratamento. Também aconteceu o treinamento de leitura e interpretação de eletrocardiograma e discussão de casos. Dois fluxogramas foram apresentados aos profissionais, onde todo paciente com suspeita de IAM deverá ser submetido.

Um dos temas da capacitação, ministrada pelo consultor hospitalar da empresa farmacêutica Boehringer Ingelheim, Luís Vidal, foi o protocolo do Ministério da Saúde (MS) que visa à redução dos casos de óbitos em decorrência do infarto agudo do miocárdio, que podem ser evitados – em alguns casos – com o diagnóstico imediato e conduta devida. O procedimento faz uso de drogas que dissolvem coágulos sanguíneos (trombolíticos) que são, na maioria das vezes, a causa dos derrames em pacientes com relato de dor torácica, adotado nas emergências e Unidades de Pronto Atendimento (UPA 24h).

“O uso do trombolítico é indicado em casos de infarto provocado pela presença de um coágulo em alguma artéria do coração, e pode reduzir em cerca de 40% o índice de mortalidade por infarto agudo no miocárdio. Com este protocolo, os profissionais de saúde são orientados a submeter os pacientes ao eletrocardiograma a fim de buscar o diagnóstico devido e, caso indicado, administrar o medicamento que dissolve estes coágulos. Com isso, a expectativa é a redução das lesões musculares e sequelas no paciente, que pode, inclusive, ir a óbito”, afirma o Consultor Hospitalar, Luís Vidal.

Procedimento – Segundo o Coordenador da UPA, Sergio Brazil, os profissionais que atuam na UPA estão sendo capacitados para seguir o protocolo do MS, que consiste em identificar logo na chegada do paciente à unidade de emergência, se há iminência de infarto agudo do miocárdio, e fazer melhor uso dos medicamentos em pacientes com sintomas de infarto.

“Adquirimos esses medicamentos e é importante que os profissionais da UPA saibam fazer melhor uso deles, a fim de reduzir a taxa de mortalidade por infarto agudo do miocárdio”, garante Sergio Brazil.

A secretaria de Saúde, Dailane Magalhães informou que a partir do ano que vem, essa capacitação periódica será estendida a todos os profissionais da rede municipal de saúde.

“Estamos iniciando um trabalho fundamental e ano que vem toda a rede municipal vai ser capacitada para atender casos que muitas vezes soam eminentes de morte, mas podem ser exitosos. Uma equipe capacitada faz toda diferença para atender esses casos”, declarou Dailane.

Texto: Denilson Santos

Fotos: Galileu

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Mais notícias

Centro Administrativo

Ouvidoria Municipal

Centro Administrativo

Ouvidoria Municipal

Rio Bonito - RJ

27°C
Clear sky

Menu

Atos Oficiais

Notícias

Busca

Últimas atualizações

– Altera página inicial
– Insere link para acesso a serviços
– Insere páginas de transparência e covid-19
– Insere subdomínio https://licitacoes.riobonito.rj.gov.br/

– Insere galeria de vídeos na página inicial
– Corrige alinhamento de elementos

– Altera textos e  layout na página de estrutura