Artesãos comemoram primeiro aniversário da Feira de Artesanato

A Feira de Artesanato, que semanalmente acontece na Praça Fonseca Portela, completou o primeiro aniversário nesta quinta-feira, dia 4 de agosto.  Desde a sua criação no ano passado, a feira representa uma boa oportunidade de geração de renda para os artesãos, que produzem e vendem diversos itens, como pintura em tecido, crochê, laços, caixas personalizadas e biscuit modelado de diversas formas, como bonecas, objetos, animais, entre outros.

O prefeito Leandro Peixe, que esteve no local juntamente com o secretário de Cultura e Turismo, Janderson Muniz, explicou que a Feira de Artesanato está inserida na Feira Agro, que acontece em dias alternados e conta com a comercialização de produtos variados, como da gastronomia, do artesanato e da agricultura familiar.

 “Hoje, com muita alegria, comemoramos o primeiro ano da Feira de Artesanato, que surgiu durante a pandemia, que foi um momento difícil que todos nós passamos. Criamos esse espaço com o objetivo de ser tornar um local de geração de renda para os artesãos. Os produtos que encontramos aqui são confeccionados pelos próprios vendedores, então podemos ver de longe a qualidade e o amor que eles depositam em cada peça, além do preço ser bem em conta”, garante o prefeito.

O secretário de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico, Teilor Cerqueira, ressalta a importância de fortalecer o trabalho artesanal no município e as oportunidades de emprego que surgiram com a Feira

“A Feira é uma ótima oportunidade para os artesãos exporem seus trabalhos de forma segura e organizada, com o suporte do poder público. O foco do nosso trabalho é a valorização dos produtos que são comercializados no local e a criação de um entreposto de comercialização direto com a população”, explica o secretário.

As barracas da Feira Agro são montadas todas às quartas, quintas e sextas-feiras. Nesses dias é possível comprar legumes, verduras e frutas, como aipim, abóbora, chuchu, jiló, pimentão, banana, caqui, além de queijo, doces, geleias, chip de aipim, chip de banana e produtos do artesanato e da gastronomia local, entre outros.

Texto: Denilson Santos

Fotos: Silas Madeira

Mais notícias

Centro Administrativo

Ouvidoria Municipal

DECRETO 443/2016

Lei de acesso a informação

Em virtude da migração do sistema Betha, o portal da transparência pode passar por instabilidades e inconsistências nos dados apresentados. As atualizações devem ser concluídas em 7 dias uteis 

Rio Bonito, 19 de Julho de 2022

Centro Administrativo

Ouvidoria Municipal

Rio Bonito - RJ

22°C
Clear sky

Menu

Atos Oficiais

Notícias

Busca

Últimas atualizações

– Altera página inicial
– Insere link para acesso a serviços
– Insere páginas de transparência e covid-19
– Insere subdomínio https://licitacoes.riobonito.rj.gov.br/

– Insere galeria de vídeos na página inicial
– Corrige alinhamento de elementos

– Altera textos e  layout na página de estrutura