Centro Municipal de Equoterapia abre vagas para novos participantes

O Centro Municipal de Equoterapia completa 10 anos em agosto. Para comemorar a data, a prefeitura começou uma reestruturação no setor para melhorar ainda mais o serviço, que estava parado desde o ano passado e voltou a funcionar essa semana. Desde agosto de 2007, os cavalos têm sido uma eficiente ferramenta na recuperação de pacientes desenvolvida pelo projeto, que funciona no Complexo Agrícola da cidade. Fruto de uma parceria entre as secretarias de Agricultura, de Educação e de Saúde, o Centro de Equoterapia é pioneiro no Estado do Rio por oferecer esse tratamento no serviço público.

A equoterapia é um dos métodos evolucionistas e com ótimos resultados obtidos na melhora da condição de vida, saúde e de inclusão das pessoas com deficiência. São oferecidos aos alunos atendimentos multidisciplinares de fisioterapia, psicologia, fonoaudiologia, habilitação e estimulação pedagógica, apoio social e psicológico, entre outros serviços, realizados por uma equipe multidisciplinar. Tudo para melhorar as condições de vida dos beneficiários e o fortalecimento dos vínculos familiares.

O tratamento é indicado para pessoas com doenças genéticas, neurológicas, musculares e clínicos metabólicas, distúrbios psicológicos e comportamentais, além de distúrbios de aprendizagem e linguagem, entre outros. Crianças do Centro de Educação Especial José Reis, do Centro de Reabilitação, por exemplo, participam da equoterapia. Antes de fazer parte do projeto, os interessados devem ir a um médico, que avalia se a pessoa tem alguma lesão, como problema de coluna, que a impeça de fazer o tratamento, e também se a equoterapia vai ser eficaz para o problema que a pessoa possui. Vale ressaltar que a equoterapia é um tratamento que não substitui o atendimento clínico, é uma atividade complementar.

Embora as atividades tenham começado, ainda há vagas. Os interessados em se cadastrar no projeto devem procurar a Secretaria Municipal de Agricultura, através do telefone 2747-8184. O tratamento acontece toda segunda, quarta e sexta-feira, das 8 às 17 horas.

Reportagem: Denilson Santos
Fotos: César Augusto

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Mais notícias

Últimas atualizações

– Altera página inicial
– Insere link para acesso a serviços
– Insere páginas de transparência e covid-19
– Insere subdomínio https://licitacoes.riobonito.rj.gov.br/

– Insere galeria de vídeos na página inicial
– Corrige alinhamento de elementos

– Altera textos e  layout na página de estrutura

MENU

NOTÍCIAS

BUSCA